domingo, 7 de agosto de 2011

INVEJA

Já li muitos livros e reflexões sobre este assunto e como se caracteriza o comportamento de pessoas assim, mas na minha opinião a inveja é uma doença porque a pessoa ao invés de se preocupar com a sua própria vida, batalhar pelos seus objetivos, realizar seus sonhos, não foca em si, mas passa a viver a vida dos outros ou pior não querer que os outros se realizem ou que tenham as coisas e passam a perseguir e a prejudicar pessoas que são vencedoras, é triste saber que para um invejoso sua felicidade é ver o mal do outro, pois o que lhe incomoda não é o que ele queira conquistar e sim não querer que o outro tenha e assim faz tudo para prejudicar de alguma forma, normalmente uma das armas é a fofoca tentando desqualificar e depreciar as pessoas que conquistam e realizam objetivos que eles jamais realizarão.  Para entender melhor este sentimento terrível, vale a pena ler uns trechos de uma excelente reportagem do jornal Correio do Povo:

“A inveja é um dos sentimentos mais primitivos. Se manifesta acompanhada da estima por algum objeto de desejo. Também é fruto da comparação com as outras pessoas. A inveja não é apenas sentir tristeza por não ter o bem alheio, mas ficar alegre com o mal do outro."

"É um sentimento intrínseco do ser humano e que se complica se estiver acompanhado pelo ódio". Alguns invejosos costumam nutrir um sentimento de inferioridade, a partir da comparação de suas conquistas com as posses materiais, casa, automóvel, roupas, situação financeira e as qualidades psicológicas, morais, físicas e sociais dos outros.

"O ideal é utilizar o sucesso do outro, seja um familiar, amigo ou colega de trabalho, como espelho para também obter o sucesso". Martha aconselha a utilizar o outro como modelo de crescimento. No entanto, avalia que quando a raiva e o ódio se aliam à inveja é sinal de alerta. "É quando a inveja começa a gerar sofrimento, podendo ser motivadora de destruição, de conflitos e de exclusão", observa. A psicóloga afirma que é possível lidar com a inveja e utilizá-la para canalizar "coisas boas". "É possível crescer sem a necessidade de destruir o outro", ressalta.

Em alguns casos, quando o sentimento de inferioridade aflora, os invejosos se vangloriam e falam excessivamente de suas conquistas, procurando diminuir o outro através de crítica. Na avaliação de Martha, a inveja pode estar associada à incapacidade de conviver com a alegria e o brilho de alguém. A conselheira do Conselho Regional de Psicologia (CRP/RS), psicoterapeuta Elisabeth Mazeron Machado, avalia que o mal não é sentir inveja, mas cultivá-la. Afinal, por vezes é um comportamento derivado do ressentimento e do ciúme, do rancor e da indignação pela má-sorte perante os outros.

"Há uma diferença entre querer ter as mesmas coisas que os outros e inveja, pois inveja é querer tomar o lugar do outro", compara. Para Elisabeth, não se trata de um sentimento construtivo." Invejar está vinculado a um potencial destrutivo", diz. Um sintoma de que algo está errado é, por exemplo, idealizar o outro de maneira exagerada e imaginar que precisa destrui-lo para conquistar o poder." Quando esse sentimento passa a atrapalhar e se transforma em uma sensação de que falta alguma coisa é preciso buscar ajuda", aconselha.

O mal não é sentir inveja, mas cultivá-la de maneira inadequada. É indiscutível que quem é alvo de inveja pode ser atingido pelas energias negativas que lhe são endereçadas. No entanto, quem emana essas energias sofre muito mais. Estudos comprovam que quem se incomoda em demasia com o sucesso alheio, passando inclusive a sentir ódio, está mais sujeito a doenças emocionais e cardíacas.

A Inveja é um sentimento negativo, antiguíssimo, e faz com que pessoas tentem de alguma maneira destruir a vida de conhecidos apenas por não aceitarem o sucesso dos que levam uma vida melhor.

Afirma que o invejoso em geral tenta sempre estar informado da vida da pessoa que inveja e sempre se ressente com o sucesso e o bem-estar desta.

No entanto, quem sente inveja também sofre os efeitos desse sentimento negativo: o ódio, um sentimento ruim que resulta em doenças para quem o nutre, a felicidade alheia acaba gerando uma profunda tristeza em ver essa felicidade."


FONTE: Jornal Correio do Povo

20 comentários:

  1. Caramba! Cobras são mesmo muito malignas!
    Hum! Suspeito que existe algumas ao meu redor..
    Bjus

    ResponderExcluir
  2. Oi Debbie!!!

    Pois é, infelizmente existem muitas pessoas assim... não gosto muito de falar sobre estes assuntos negativos mas como achei esclarecedor resolvi postar, ainda bem que aqui no mundo virtual as energias são positivas e boas. Focar sempre na luz e a luz virá!!!
    Bjus
    Bia :)

    ResponderExcluir
  3. Oiii Bia!
    A inveja é avssaladora para quem a tem e para o alvo da inveja. A pessoa nunca estará bem nem conviverá bem com os outros. É triste e as vezes até perigoso.

    Beijão e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  4. Olá querida bia !!

    Para mim o maior problema da inveja é a frustração, a pessoa que sente inveja da outra é pq não esta realizada com a vida que leva e por falta de ação ou falta de coragem não se mexe para sair daquela situação, ai quando vê que outra pessoa tentou e venceu fica invejando ela, culpando os outros por suas falhas, tenho certeza que todo mundo já olhou para o outro e pensou, nossa queria ser rico como fulano, ter o corpo igual o dele, o carro, a mulher e etc. Mas existe uma grande diferença entre vc olhar para o fulano e pensar, bom ele conseguiu então vamos ver o que ele fez e ver se o caminho que ele seguiu eu tbm posso seguir, e não ficar infeliz pela felicidade dele.

    Beijos e boa semana

    ResponderExcluir
  5. Oi Val!!!

    Como sempre estás certíssima, lamentavelmente pessoas assim acabam afastando as pessoas e não conseguem conviver com ninguém.
    Tenha uma semana repleta de alegrias!!!
    Beijoooss
    Bia :)

    ResponderExcluir
  6. Oi Moacir!!!

    Puxa vida!!! Você entende mesmo de comportamento humano!!! Acho que é bem assim, né?
    Uma feliz semana pra você!!!
    Bjus
    Bia :)

    ResponderExcluir
  7. Oi Bia, uma vez eu li que a inveja não é querer ter o que o outro tem, mas desejar que o outro não tenha ou não alcance um desejo ou realize um sonho. Também acho que a inveja está ligada à maldade, ódio, inconformismo. E vou dizer, a inveja faz mal somente a quem a cultiva.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Néia!!!

    Acho que tu disse tudo de forma clara e objetiva, pior é que é assim mesmo, deve ser terrível para quem cultiva estes sentimentos malévolos, para te falar a verdade nem gosto muito de falar destas coisas pérfidas mas é sempre bom divulgar informações que contribuem para o aprendizado.
    Beijooss
    Bia :)

    ResponderExcluir
  9. É claro que a inveja é algo terrível!
    Mas, tem a inveja digamos que: boa.
    Aquela que, é mais para admiração.
    Adorei o Blog, virei sempre.

    Convido-lhe para visitar meu blog, comentar a série de contos "Ser Escritor", e se gostar, seguir.
    Sigo de volta, só da um toque.
    (paulobouvier.blogspot.com)

    Muito Obrigado.

    ResponderExcluir
  10. Oi Paulo!!!

    Obrigada por sua opinião!!! Seja sempre bem vindo!!!
    Irei conhecer o seu blog e segui-lo com o maior prazer!!!
    Bia :)

    ResponderExcluir
  11. Oie minha lindona.

    Sabe eu acho que meu Paulista entende mesmo de comportamento humano, nossa ele tirou as palavras da minha boca rssss, e isso não é inveja, tá, só admirada mesmo rsssss.

    Beijos minha lindona, eu acho que não tenho inveja de ninguém, talvez da Angelina Jolie, rsss por ter que dividir meu Brad com ela rssss.
    Eu disse talvez e mesmo assim acho que não tenho rssss. Você sabe só se conhece um homem quando se vive com ele e as vezes nem assim.

    beijos querida, ótima semana pra vc e meu carinho grandão pra vc.

    ResponderExcluir
  12. Bia.. a inveja é uma coisa muito triste. Tenho pena de quem sente, porque ela impede que as pessoas cresçam.

    Devemos nos inspirar nas pessoas, não inveja-las.

    Obrigada pela sua visita e por seu cometairo tão carinhoso.

    Te convido a conhecer o blog da Beth..ceramica zen..: http://bethshirotoyen.blogspot.com/
    Bj
    Ma

    ResponderExcluir
  13. Oi Dja!!!

    O amigo paulista entende mesmo de comportamento humano e vários assuntos, isto é ótimo porque acrescenta cultura e conhecimento para todos.
    Sabe que eu também não invejo ninguém, é mesmo... vai saber como é a convivência destas celebridades que muitos invejam, de repente é até um inferno!!! O interessante dos blogs são as diversas opiniões e pontos de vista com comentários visto de vários ângulos que são enriquecedoras, surpreendentes e importantes para cultura geral.
    Uma semana repleta de felicidade!!!
    Beijoos
    Bia :)

    ResponderExcluir
  14. Oi Ma!!!

    É uma pena que algumas pessoas percam tempo invejando porque é uma energia desperdiçada que poderia ser canalizada para crescer como tu bem falou e servir de inspiração para elas desenvolverem seu potencial, eu também acredito que todos tem capacidade e podem realizar seus sonhos se lutarem por ele e focarem nos seus objetivos.
    Seu blog e sua arte são lindos!!!
    Vou sim conhecer o blog da Beth, obrigada!!!
    Bjus
    Bia :)

    ResponderExcluir
  15. La jalousie est souvent douloureuse et destructrice...
    C'est souvent une question de confiance,
    Confiance en l'autre, mais aussi confiance en soi !
    Belle journée,

    Pierre
    http://pierre-boyer.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Oláa Bia,

    Fábulas realmente são capazes de revelar sentimentos terrivéis, e com uma pequena história nos ajudam a abrir os olhos.

    Acho que a inveja consegue se consagrar como algo terrivel, pois ao inves do invejoso procurar crescer na vida pessoal e profissional perde tempo tentando ofuscar o brilho dos outros.

    beiijos e uma linda semana.
    Dinha :*

    ResponderExcluir
  17. Bonjour Pierre!

    Très bien dit, la confiance est très importante pour la réalisation, les personnes saines cultiver ces bons sentiments et pas mal, non? Merci!

    Une bonne journée!

    Bia :)

    ResponderExcluir
  18. Olá Dinha!!!

    Concordo plenamente com todas suas palavras, é bem assim esse tipo de comportamento, mas na intenção de prejudicar os outros acabam mostrando que são pessoas terríveis, pior para estas pessoas porque no fundo ninguém gosta de gente invejosa.

    Uma semana repleta de alegrias!!!
    Beijoos
    Bia :)

    ResponderExcluir
  19. Bia amada querida um fds cheio de carinho pra vc, e que seja doce ... doce ... doce...
    te mandei um email, mas não sei se chegou aí, que dia é seu aniversário?

    beijos lindona.

    ResponderExcluir
  20. Putz minha tia tem todas as características sempre tenta fazer parte da minha vida querendo se aproxima já até tentou me prejudicar algumas vezes mais eu já sabia por isso evito ela o máximo possível e com meu afastamento consigo frustar as investidas dela, e isso tudo desde pequeno aturando ela por que sempre fui uma criança bem tratada era pobre mais em bajulado por todos até pelos patroes da minha mãe contudo isso tinha de tudo não me faltava nada ganhava muitos presentes, ela ia la pra casa e ficava reparando tudo so manjando tudo assistindo minha vida como se fosse um filme, dai já imagina ner ela se mordendo por dentro bolada por não ter o que eu tive na infância dela, "não tenho culpa" fui crescendo tendo que aturar o recalque dela, o conselho que eu dou pra quem ler meu comentário é, se notar alguém que tem inveja de vc e fica tentando te prejudicar, se afaste o guanto antes corta relação lute pelos seus ideais mude de cidade se for presciso caso tenha condições foi o que eu fiz, a distância vai fazer com que tire o foco do invejoso de vc, mais não entre em contato com o invejo apague ele do seu convívio um forte abraço

    ResponderExcluir